Confira alguns trechos da matéria publicada pela Entertainment Weekly em sua edição de 12 de outubro e algumas falas de Caitrona Balfe sobre a nova temporada de Outlander que foram publicadas no site da revista.

Após uma tempestade tirar o navio deles da costa do Caribe e mandá-los para uma praia na Georgia, no final da terceira temporada, o Highlander escocês Jamie (Sam Heughan) e a esposa dele cirurgiã viajante no tempo, Claire (Caitriona Balfe), tiram a areia da roupa e, ao lado de Ian e seus colegas, chegam até Wilmington, Carolina do Norte. “Há a oportunidade para um novo começo, um começo do zero,” explica Balfe. “Claro que há dificuldades e sofrimento. Mas, acima de tudo, eu diria que há muito mais esperança nessa temporada.

Os Frasers e seus agregados mal chegaram à Wilmington e encontram o seu primeiro obstáculo, um conhecido que acaba atacando Jamie, enquanto roubava uma lembrança querida de Claire. Agora, sem dinheiro, Jamie, Claire e Ian (John Bell) viajam de jangada para a casa da tia Jocasta Cameron (Maria Doyle Kennedy), uma rica viúva sulista com um mordomo chamado Ulysses (Colin McFarlane) e uma colonia cheia de escravos para cuidar de suas plantações. “Claire está desconfiada dela,” explica Caitriona. “Elas nunca superam essa desavença por causa dos escravos.” Isso leva o casal e Ian para o meio do mato, onde eles encontram um fantasma, um alemão racista e um urso muito peculiar. Também há uma população de Mohawks e Cherokees, uma sub-história de Tambores do Outono.

Descendo o rio, até a Tia Jocasta

Fizemos muito da coisa do barco,” explica Caitriona Balfe. “Claro, não estávamos gravando na América. Com toda a água que temos na Escócia, na verdade não há muitos rios largos como você teria na América. Qualquer coisa que tinha a ver com a jornada à River Run ou lugares como esse, muito disso foi CGI.

Esta terra é a sua terra

Quando eles conhecem os vizinhos dela, Claire e Jamie se dão muito bem com eles,” Caitriona Balfe diz.

Espíritos conhecidos

Tantoo Cardinal (Dança com Lobos) interpreta Adawehi, uma mulher nativa-americana que Claire conhece próximo ao Fraser’s Ridge. “Elas acabam tento essa ligação muito especial que é bastante bonita,” Caitirona Balfe diz.

Se encapotando

Fez muito, muito frio neste inverno,” diz Balfe. “Os trajes eram diferentes. Obviamente, quando estávamos na Escócia, usávamos essas lãs muito pesadas. Os trajes eram muito mais propícios ao clima. Nesta temporada, havia muito mais linho e tecidos mais leves que estariam muito mais disponíveis na América. Então tivemos que colocar muito mais camadas de roupas do que tínhamos que por antes.

Alguns gostam Escocês

Claire finalmente retornou para ele,” Sam Heughan conta sobre a sua esposa da TV, interpretada por Caitriona Balfe. “Essa temporada é definitivamente o começo de um novo mundo e uma nova esperança para eles.

Muito escocês para aguentar

Jamie e Claire aproveitam das coisas boas que acompanham a estadia deles na colônia da tia Jocasta. Mas o modo como ela administra a propriedade dela é um grande NÃO. “É um lugar muito bonito e tem essa grande riqueza e oportunidade,” diz Heughan. “Mas o Jamie certamente não concorda com o tipo de política ou o comércio de escravos.

Escocês e incomodado

Claro que existem momentos de problemas, de dificuldades e sofrimento, mas, acima de tudo, eu diria que há muito mais esperança nessa temporada.

O Buzzfeed conversou com o elenco de Outlander na New York Comic Con, antes do painel de sábado que apresentou o primeiro episódio da nova temporada da série. Confira o que Caitriona Balfe, Sam Heughan, Sophie Skelton e Richard Rankin revelaram sobre a quarta temporada.

Primeiro, a quarta temporada trata muito sobre reconstruir esse mundo que conhecemos por três temporadas. Como foi isso?
Caitriona Balfe: Jamie fez tudo sozinho.
Sam Heughan: [risos] É, ele é muito bom nisso, sabe, martelar.
Sophie Skelton: Na verdade, nem estamos nessa temporada. [risos] É só o Jamie.
Sam: É divertido estar em um novo mundo e mostrar a América em sua infância e todas as diferentes culturas que a compõem. É legal gravar bastante na floresta.

Vocês ainda gravaram na Escócia, mas a transformaram na América Colonial. Como foi isso?
Caitriona: Você se sente como se estivesse no fundo de um dos estúdios principais, pois construímos essa cidade inteira em uma pequena área [externa]. Para mim, é aquela coisa de se sentir como uma criança quando você entra em um set e você percebe que é tudo fachada. E é tão legal.
Sophie: Você passa por uma porta e fica maravilhado.
Caitriona: Isso! Você passa por uma porta e você fica, “Minha nossa, é um campo.” Gary [Steele] fez um trabalho tão incrível. Nossa equipe de produção, toda a equipe, eles fazem um trabalho maravilhoso. Tipo, River Run também. É tudo tão impressionante. Acho que coisas assim mudam a sensação e a atmosfera da série.
Sophie: Também é ótimo para o nosso trabalho, porque isso ajuda a se colocar totalmente no local, tanto quanto os trajes ou qualquer coisa assim ajuda. Os cenários são incríveis. Os detalhes neles também.

Vocês viajam para cima e para baixo na Costa Leste, não só na década de 1760, mas também no final dos anos 1960.
Richard Rankin:
Sim, a história se move por tantos lugares. É uma prova do quão talentosa a equipe [do departamento de arte] é. Eles têm que construir coisas de última hora e podem ser cenários e locais tão diversos. Eles trazem tudo à vida com tantos detalhes. É muito fácil imergir nela.

Sam e Caitriona, esta é a primeira vez que realmente vemos o Jamie e a Claire tentar se estabelecerem. Como isso muda a dinâmica de vocês essa temporada?
Caitriona:
Acho que esse é um lado muito diferente da Claire. Tipo, em outras temporadas focamos tanto nela ser tão motivada pela carreira dela. Acho que essa é uma versão mais calma dela, em muitos aspectos, e mais satisfeita. O fato de que ela e Jamie estão finalmente juntos e construindo um lar, essa é a primeira oportunidade que ela teve de realmente focar na vida familiar e no relacionamento deles. Isso foi bem diferente para mim.  É um novo desafio interessante poder explorar isso.
Sam: E Jamie, ele está contente, acho que essa é uma ótima palavra para dizer. Ele sempre quis ter um lar, uma família e uma família de agregados. Ele consegue isso nesta temporada. Ele tem a oportunidade de se estabelecer. Ele se apaixona pelo país e pela terra. Ele está cercado por aspectos de ter uma família. Ele tem o jovem Ian e a Claire e, claro, a Brianna, de certo modo. Então, por um curto período, é bastante pacífico.

Sophie e Richard, este é o meu livro preferido da série e muito disso tem a ver com o crescimento [do relacionamento] da Brianna e do Roger. Como é isso, não só explorar seu relacionamento juntos, mas também os seus personagens separadamente?
Sophie: Acho que essa foi a coisa legal dessa temporada, pois, como você disse, esse é o meu livro preferido. Acho que para a Bree e para o Roger, tudo até agora tem preparado a história para esta temporada. Acho que há uma dinâmica muito legal em termos deles terem esse tipo de relacionamento que vai e volta. Novamente, todas as vezes que eles se reúnem, eles são separados. Ambos estão lidando com os seus próprios problemas individuais. Ambos estão se recuperando da morte de seus pais, e Brianna lida com, basicamente, deixar a mãe dela partir. Eles também têm esse relacionamento a distância e tudo o que vem com isso. Então, enquanto Jamie e Claire tem um novo começo, esses dois estão nas águas lamacentas do que acabou de acontecer.
Richard: Também tivemos uma introdução muito moderada à série, o que foi uma coisa boa, pois você tem muito tempo para pensar. Estivemos apenas no final da segunda temporada e em alguns episódios da terceira, mas saber da série e do mundo em que ela se passa ajudou muito para a quarta temporada. Sabemos exatamente onde os personagens estão e onde estamos com a história. Então, acho que foi uma grande vantagem. Foi bom explorar, como você disse, juntos e separados e o que eles estão lidando, pois estão lidando com muito na vida individual deles, sem se importar de tentar lidar um com o outro. Eles estão lidando não só com um relacionamento à distância, mas com tudo o que vem com os Frasers.
Sophie: Também acho que, e para nós também, vocês viram só as semelhanças deles, enquanto que nessa temporada, verão que eles têm pontos de vista completamente diferentes em assuntos muito importantes.

Como foi explorar mais da década de 1960 nessa temporada e a vida da Brianna por conta própria?
Sophie:
 Acho que não vimos muito dos anos 1960. O que eu gosto no início dessa temporada é que você vê um assunto muito importante dos anos 1960 em termos da revolução sexual e o fato das pessoas estavam começando a se afastar das crenças religiosas, como o sexo antes do casamento e tudo isso. Acho que isso é uma coisa muito boa para mostrar nesta temporada em termos dos anos 1960. Nós vimos apenas o lado mais leve [dessa era] até agora.

Um dos personagens que chega nesta temporada é a tia de Jamie, Jocasta. Como isso afetará o relacionamento da Claire e do Jamie?
Caitriona: 
Acho que esse episódio foi um tanto difícil em alguns aspectos para muitos nós, porque foi um pouco diferente do que estava no livro. Jocasta, interpretada incrivelmente pela Maria [Doyle Kennedy], ela é simplesmente incrível. Para a Claire, ela vê o Jamie tão feliz se conectando com parte da família dela, mas para ela, há esse muro que nunca vai sumir entre ela e a Jocasta, pois elas têm opiniões tão opostas [sobre certas coisas]. Claire nunca entenderá o ponto de vista da Jocasta e a Jocasta nunca entenderá o ponto de vista dela. Acho que há um respeito mutuo ali e uma admiração mutua, em alguns aspectos, [mas] é apenas uma barreira intransponível.
Sam: E para o Jamie, como você [Caitriona] disse, é o último parente vivo dele, de certo modo. Ela se parece e soa como a mãe dele e, para ele, é uma coisa muito emotiva. Inicialmente, é muita felicidade para ele. Mas são sentimentos diversos para ele, por causa da vida dele com a Claire.

Também há o Stephen Bonnet. Os fãs dos livros sabem como ele se torna importante mais tarde. Como é preparar o terreno para o papel dele avançar?
Sam:
 É, Jamie e Stephen têm um relacionamento interessante e há tanta repercussão mais tarde. Ele é um vilão e tanto.

Sophie, mesmo a Brianna não tendo viajado no tempo com a Claire na terceira temporada, ela ainda sente uma ligação e uma curiosidade quanto ao Jamie e ao passado?
Sophie:
 Claro que a ideia de conhecer o pai biológico dela seria algo maravilhoso para ela, mas ao mesmo tempo, o Frank era o pai dela e isso é algo que vocês verão essa temporada. Isso é algo que ela realmente se sente dividida, ela sente que está traindo o Frank se ela se aproximar desse outro lado dela. Ela começou um novo mundo para ela nos anos 1960. Ela largou o curso de história e foi para a engenharia. Ela tem novos amigos e tem o Roger, a vida toda dela está nos anos 1960. Por pior que pareça, não há nada para ela no passado. Ela tem o conhecimento que a mãe dela está feliz no passado e essa é uma bela imagem para a Bree.

Vocês têm um momento preferido para os seus personagens que vocês podem falar um pouco?
Richard: Cantar foi uma experiência interessante, porque eu tive que tocar algumas músicas, uma das quais foi um pouco difícil de tocar. Era, originalmente, uma melodia de violino que foi reorganizada para o violão. Acho que deixei todo mundo louco ensaiando aquela música sem parar. Com certeza foi uma experiência interessante.
Sophie: Atirar com um rifle.
Caitriona: Tipo, existem cenas entre nós [Caitriona e Sam], mas isso não é novidade. Há definitivamente cenas que foram ótimas de gravar que são específicas dessa temporada.
Sam: Acho que o conhecimento sobre a Brianna [existir] é um verdadeiro catalisador. Acho que, de certa forma, essa temporada é quando a verdadeira história começa.
Caitriona: Acho que eles estão nesse mundo muito contente, mas há outra coisa acontecendo [Brianna vivendo a vida dela]. Os riscos são altos [essa temporada] e acho que essas são coisas ótimas, como atores, de poder mostrar. Há muitos elementos novos, coisas que não tínhamos feito antes, o que foi bom.

No último sábado (06), Caitriona Balfe e o elenco de Outlander estiveram na New York Comic Con para divulgar a nova temporada da série.

Ao lado de Sam Heughan, Sophie Skelton e Richard Rankin, a atriz foi entrevistada pelo Syfy Wire e pelo IMDB, bem como por outros veículos da imprensa, antes de iniciar as suas atividades da convenção.

Antes do painel principal, o elenco recebeu os fãs em uma sessão de autógrafos em um local ambientado como a casa dos Frasers da quarta temporada da série.

10.06 | Sessão de autógrafos de ‘Outlander’ na New York Comic Con [Dia 02]

O painel da série durou cerca de 45 minutos. Antes do início, a escritora da série de livros nos quais a série de baseia, Diana Gabaldon, anunciou a surpresa da noite: os fãs assistiriam o primeiro episódio da quarta temporada. E, pelo o que foi visto, o amor de Claire e Jamie ainda está forte e profundo.

Durante o painel, Ronald D. Moore informou que o tom e o tema dessa temporada será Claire e Jamie finalmente formando um lar. Essa temporada contará ainda a história de imigrantes chegando ao Novo Mundo, no século 18, e mostrará a fundação da América.

Maril Davis disse que a quarta temporada continuou a ser gravada na Escócia, apesar de eles tentarem levar a produção para a Carolina do Norte, local dos acontecimentos retratados. No entanto, foi decidido a permanência da produção na na Escócia, pois eles amam o país e a equipe que eles têm lá. A produção também pensou em ir para à Eslováquia, mas não foi preciso ir até lá.

Diana Gabaldon explicou que o que levou ela a escrever a história do quarto livro foi que após a batalha de Culloden e da “extinção” da Escócia, muitos escoceses foram para o Novo Mundo. Na época da Revolução Americana, um colono a cada três era da Escócia.

Caitirona Balfe teve pouca participação no painel, mas foi perceptível o senso de humor da atriz em momentos chaves. Uma colunista online comparou o relacionamento de Brianna e Roger com o sapato preferido dela: fofo, confortável e atemporal. Caitriona Balfe não pensou duas vezes antes de dizer, “Awh, vocês são como um par de botas velhas.

Lola Ogunnaike, a moderadora do painel se derreteu com a fala do Jamie, “Mesmo quando o meu corpo morrer, minha alma ainda será sua.” e perguntou por que o marido dela não diz essas coisas. “Porque a Diana Gabaldon não está escrevendo as falas dele,” Caitriona Balfe respondeu.

Sobre a evolução da linda história de amor de Claire e Jamie, a atriz disse, “Acho que depois da separação de 20 anos, além da Claire fazer o sacrifício final ao deixar a filha para retornar para ele [Jamie], e depois deles terem superado aquele período inicial de se conhecerem novamente… Essa temporada tem a satisfação de eles estarem juntos. Você finalmente vê eles desfrutando de construir uma vida juntos, de construir um lar juntos. É um lugar muito mais estabelecido e satisfatório que já pudemos explorar. Claro, é Outlander, então sempre vai haver forças externas e muitas outras coisas, mas não acho que haverá ganchos de novo sobre se eles ficarão juntos ou não. Isso é certeza. Eles estão firmes.

Durante a sessão de perguntas de fãs, o elenco foi questionado sobre o seu traje preferido, Caitriona Balfe respondeu, “É tão difícil decidir. Na verdade, eu gosto muito, muito o look selvagem da Claire que usamos essa temporada. Há um casaco de veludo legal, uma saia e um cinto de couro. Parecia muito forte e feroz.

Ao ser perguntada o que ela colocaria no bolso do seu vestido antes de viajar no tempo e deixar os seus entes queridos para sempre, a atriz respondeu, “Dinheiro.”

Inicio » Eventos e Aparições Públicas | Events & Public Appearances » 2018 » 10.06 | Photocall do painel de ‘Outlander’ na New York Comic Con [Dia 02]

Inicio » Eventos e Aparições Públicas | Events & Public Appearances » 2018 » 10.06 | Painel de ‘Outlander’ na New York Comic Con [Dia 02]

Ao final do painel, as contas oficiais da série divulgaram o novo crédito de abertura da quarta temporada.

O elenco e produtores de Outlander estiveram de volta ao PaleyFest na noite de ontem (5), mas desta vez em Nova York. Em um painel de quase 1 hora, o elenco da série brincou, falou da quarta temporada da série e respondeu a perguntas de fãs. Confira os melhores momentos.

O painel começou com o trailer da quarta temporada da série, seguido da apresentação dos produtores e elenco da série: Maril Davis, Ronald D. Moore, Richard Rankin, Sophie Skelton, Sam Heughan e Caitriona Balfe (“A mulher que dispensa apresentações,” de acordo com a Julie Kosin, a moderadora da noite.)

Jogo de Superlativos

Como de costume, um jogo envolvendo uísque fez parte do painel. “Vocês comeram?! Querem uma bebida?” Julie perguntou. No jogo, a pessoa mais provável de fazer o que ela dizia deveria dar um gole da bebida.

Quem arruinaria uma cena dando risada? Sophie Skelton disse que seria o Richard. Maril Davis perguntou se pode haver mais de uma pessoa para as respostas, pois a Caitriona também arruinaria uma cena dando risada. Ambos os atores beberam.

Quem faria o seu parceiro rir durante uma cena? Sophie Skelton disse que seria o Richard novamente, pois ele fica cutucando ela.

Quem reclamaria do frio? Caitriona Balfe disse que seria o Richard também. O ator fica indignado, mas bebe.

Quem colocaria uma dose de bebida alcoólica no café? Todos disseram que seria o Richard, “Isso não é verdade! Seria o Sam.” Maril Davis, “Me sinto um pouco mal pelo Richard, sinto que algumas pessoas não estão falando a verdade.

Quem pegaria no sono no set ou no escritório dele? Richard foi mais rápido que o restante do elenco e disse que seria o Sam. Caitriona também disse que seria ele.

Quem é o pior em guardar segredos ou em revelar spoilers? Ron. “Sem objeção,” ele respondeu.

Quem chega na mesa de comidas primeiro? Sam disse que é a Caitriona. Richard disse que é a Sophia e que ela nem se quer sai da mesa. “Na verdade, esses dois (Sam e Cait) roubam a nossa comida,” Sophie disse. O Sam respondeu que, “Uau! Ouça, espere aí. Era nossa comida primeiro.

Quem se machucaria enquanto faz uma cena de ação? O Sam respondeu que ele é o mais provável de machucar o colega de elenco durante uma cena de ação e bebeu. “Certo, o que você fez?” a Julie perguntou. “O que eu não fiz,” Sam respondeu. A moderadora perguntou se a Cait está bem e a atriz respondeu que agora ela está. Sam e Caitriona Balfe listaram: Cait foi jogada do outro lado da sala, levou um soco do Sam, foi empurrada num tronco de madeira na água. “Acho que eu te bati com a minha espada uma vez,Sam disse. “Me bateu. Várias vezes,” Caitriona respondeu. Nesse momento, Sam fez sinal de aspas com as mãos e cara de safado, “Obrigado, PaleyFest.” Caitriona respondeu com “Continue sonhando, querido.

Quem tiraria uma foto embaraçosa do seu colega de elenco e usá-la para chantagem? Caitriona apontou para o Sam. Sophie apontou para o Richard. “Acho que todos somos culpados aqui,” Sam respondeu.

Após o jogo, houve a exibição de uma cena de Jamie e Claire, do episódio de estreia da quarta temporada. É provável que a cena seja divulgada para o público em geral após a NYCC.

Inicio » Eventos e Aparições Públicas | Events & Public Appearances » 2018 » 10.05 | Painel de ‘Outlander’ no PaleyFest, em Nova York

Veja o que Caitriona Balfe disse sobre…

Se houve mudança dos atores no set, pois eles ainda estavam na Escócia, mas nesta temporada eles estarão na América: Não. Eu acho que as pessoas não mudam, só porque elas mudaram de lugar. Acho que o que o Ron disse é muito verdade, estamos contando uma história de imigrantes chegando a um país novo. Geralmente, as pessoas quando chegam a um local, elas retêm muito de onde eles vieram, é um jeito de preencher a lacuna de quem você era e desse novo local onde você está. Então, acho que certas coisas foram diferentes, como os figurinos, os materiais que usamos, isso mudou um pouco. Mas Jamie e Claire ainda são as pessoas que eles são.

Jamie e Claire finalmente estarem em paz e construírem um lar, como isso muda para eles: Acho que é uma dinâmica muito diferente nessa temporada. Vemos a domesticidade, vemos eles no lar deles. Há uma força na união deles agora. Eles já passaram pelo pior que eles poderiam passar… Acho… Até agora. Mas, sabe, a separação, Claire retornando… Ela pagou um preço tão alto para retornar, ela deixou a filha dela (para trás). E depois disso, acho que você não consegue ter um gancho novamente, eles têm que ser firmes a essa altura. Há, obviamente, muitas coisas extraordinárias que acontecerão, mas acho que a união deles é muito forte e há uma natureza mais relaxada. Nunca exploramos isso antes.

Se Claire e Jamie pensam sobre o que virá (a Revolução Americana):Para mim, acho que inicialmente, quando eles estão tentando decidir qual será o próximo passo, isso com certeza pesa na mente da Claire. É tipo, ‘Eu sei que isso está no futuro.’ Mas acho que, como todo mundo, a imagem maior pode ser muito grande para qualquer um lidar. E acho que, para ela, ter essa unidade familiar e construir um lar é algo que ela nunca teve a chance de experimentar da maneira amorosa e positiva que ela tem com o Jamie. Então, acho que esse é o foco principal dela. Acho que eles sabem que o que quer que aconteça, eles lidarão com isso na hora que acontecer. Então, acho que ela não está pensando muito nisso.

Essa ser uma temporada mais física: A moderadora diz que a Caitriona usou uma arma essa temporada e a atriz respondeu, “Eu já usei uma arma antes. Claire… as pessoas se esquecem das coisas. Quando estávamos falando dessa cenas as pessoas ficavam, ‘Precisamos te mostrar como atirar. Você vai ficar bem atirando?’ e eu ficava, ‘Claire e Jenny subiram no cavalo com armas… Sabe?!’ Mas essa foi só uma arma maior. Foi meio divertido. Foi divertido. Se é mais física? Não sei se é. Essa série sempre foi bastante física. Definitivamente, gravamos mais do lado de fora essa temporada, acho.

O relacionamento de Claire e Jocasta:Acho que para a Claire é um pouco complicado. Inicialmente, quando ela vê o quão emocionado Jamie fica ao ver Jocasta e o que isso significa para ele, claro, ela entra querendo ter um bom relacionamento com ela, querendo o melhor. Mas acho que o fato da Jocasta ter uma colonia é muito difícil para a Claire. Acho que ver a escravidão em primeira mão, ver isso próximo… É muito difícil para a Claire deixar isso para trás. E acho que isso cria esse muro entre ela e Jocasta que pode ser superado, porque elas são de dois períodos diferentes e nunca entenderão a perspectiva uma da outra. E isso é um pouco difícil, pois em muitos aspectos, Jocasta seria a solução para muitos problemas, mas acho que a Claire não consegue superar isso nem um pouco.

Os maiores desafios dessa temporada:Acho que para mim, eu pude explorar um lado diferente da Claire que eu acho que não tive a oportunidade de explorar antes, dado que eles estão formando um lar, que é uma parte mais quieta da vida deles, é um lado muito mais carinhoso dela. Não é… Mostramos uma Claire que era mais guiada pela carreira dela… De novo, acho que a Claire tem estado mais no ataque, antes, e essa foi uma oportunidade de explorar esse outro lado dela. O que eu acho que foi muito interessante e me deu novos desafios. E isso é ótimo, após já ter feito três temporadas, entrar em uma nova temporada e ficar ‘Oh, esse é um lado dela que eu provavelmente não teria pensado muito antes.’ Foi legal poder ter mostrado isso.

Algum adereço ou artefato que ajudou eles em cena: A arma. Eu fiz uma cena com uma arma e foi incrível!

Trabalhar com o Rollo: Comer esterco, é verdade, é um dos lanchinhos preferidos dele. Tínhamos uma cena em que ele deveria latir para a porta, o treinador estava do outro lado da porta com o brinquedinho dele de apertar. Tudo o que você ouvia era ‘Dowey, Dowey, queeck, queeck.’ Era para ele estar muito assustado na cena e era isso o que estava acontecendo.

Inicio » Eventos e Aparições Públicas | Events & Public Appearances » 2018 » 10.05 | Elenco de ‘Outlander’ no tapete vermelho do PaleyFest, em Nova York


Após o painel de Outlander, Caitriona Balfe compareceu ao jantar que a Starz ofereceu na New York Comic Con para os atores da rede de TV.

Inicio » Eventos e Aparições Públicas | Events & Public Appearances » 2018 » 10.05 | Jantar dos talentos da Starz na NYCC 2018, no Black Barn

Para marcar o início da maratona de divulgação da quarta temporada de Outlander, Caitriona Balfe e Sam Heughan estampam a capa da edição de 12 de outubro da revista norte-americana Entertainment Weekly.

A capa vem em três versões, sendo duas dela de colecionador: uma apenas com Caitriona Balfe, uma apenas com Sam Heughan e uma com ambos os atores.

Inicio » Revistas e Jornais | Magazines & Newspapers » 2018 » Entertainment Weekly

O casal de atores foi fotografado pelo fotógrafo Ruven Afanador, o mesmo que os retratou no ano passado. Além da capa da revista, a Entertaiment Weekly também compartilhou uma curta entrevista e imagens de bastidores da sessão fotográfica, bem como alguns retratos dos atores caracterizados como seus personagens da série, Claire Fraser e Jamie Fraser.

Inicio » Ensaios fotográficos | Photoshoots » 2018 » 003 | Ruven Afanador

Entertainment Weekly também divulgou três novas fotos de Caitriona Balfe na quarta temporada da série.

Inicio » Séries de TV e Webséries | TV Shows & Webseries » 2014- | Outlander » Quarta Temporada | Season 4 » Quarta Temporada [Fotos Promocionais]

A quarta temporada da série estreia em um mês, dia 4 de novembro, nos Estados Unidos e simultaneamente no Brasil, no canal Fox Premium.

A agenda de divulgação da quarta temporada para este fim de semana será:

Outlander é uma das séries que aparecem na nova edição da revista Entertainment Weekly, nas bancas norte-americanas essa semana.

No foto exclusiva publicada pela revista, Claire não está nem um pouco feliz em sua nova casa. A viajante do tempo interpretada por Caitriona Balfe está ao lado de seu marido (interpretado por Sam Heughan) em River Run, uma fazenda de propriedade da matriarca do século XVIII, Jocasta Cameron (Maria Doyle-Kennedy).

Há uma semelhança entre as duas mulheres, mas para Claire é muito difícil ignorar o fato de que Jocasta é dona de uma fazenda com escravos.” a atriz disse à Entertainment Weekly. “Jocasta não entende quais são as preocupações de Claire. Isso impede que elas sejam capazes de formar qualquer vínculo apropriado.”

A nova temporada de Outlander estreia em de novembro nos Estados Unidos, no canal Starz, e no Brasil, na Fox Premium.

Confira também as novas imagens da quarta temporada da série.

Inicio » Séries de TV e Webséries | TV Shows & Webseries » 2014- | Outlander » Quarta Temporada | Season 4 » 4.01 [Fotos Promocionais]

Inicio » Séries de TV e Webséries | TV Shows & Webseries » 2014- | Outlander » Quarta Temporada | Season 4 » 4.01 [Bastidores]

Para comemorar o aniversário de 5 anos de sua escalação para o papel de Claire Elizabeth Beauchamp (Randall Fraser) em Outlander, Caitriona Balfe usou a sua conta oficial no Twitter para interagir com os fãs e agradecer o carinho, “5 anos trás? 🙀 Minha vida toda mudou.” a atriz escreveu, “Fui recebida no fandom mais maravilhoso, pude interpretar a personagem mais incrível e trabalhar com as melhores pessoas. Obrigada, Outlander, Sony Pictures Television, Ronald D. Moore, Diana Gabaldon, Maril Davis e a todos que se juntaram a nós nessa jornada louca.”

Eu nem fazia ideia,” ela completou, se referindo a um tuíte publicado por ela mesma em 11 de setembro de 2013, “animada em anunciar” que ela estava se juntando ao elenco da série.

A escritora da série de livros de Outlander respondeu a atriz, mostrando a sua alegria em tê-la como uma das personagens principais de suas histórias: “Bom, esse foi um bom dia para todos nós. Não consigo imaginar Outlander sem você!” E nem os fãs da série conseguem!

Confira a seguir a conversa de Caitriona Balfe com os fãs que aconteceu na manhã de hoje, antes da atriz ir para o set de filmagens de Ford v Ferrari.

Caitriona BalfeMuito bem. Cinco anos merece… uma sessão de perguntas e respostas rápida antes do trabalho… E, vai… #ClaireCastaversary

Louise: Qual foi a coisa mais surpreendente que você teve que fazer durante as gravações?
Caitriona BalfeLimpar um peixe.

Erika: Como estão as gravações?
Caitriona BalfeÓtimas. Obrigada. Acho que esse será um filme muito legal.

Lauren: Algum traje preferido da Claire?
Caitriona Balfe: [Existem] Alguns incríveis. Mas adoro aquele casaco de segunda mão… É muito diferente.

Audrey: Qual é a sua melhor lembrança em interpretar a Claire?
Caitriona BalfeO primeiro dia… quando você podia sentir a magia em todo lugar. 

Smilla: Cena preferida da Claire e da Bree?
Caitriona Balfe: Ohh, muitas dessa temporada.

Cam: A faculdade começa amanhã, preciso do seu conselho, minha rainha!!
Caitriona Balfe: Vá para a aula, estude muito, mas também arrume tempo para SE DIVERTIR.

Sassenach: Qual é a melhor lembrança dessa temporada?
Caitriona BalfeMuitos momentos ótimos, mas o último episódio foi muito especial. Oh, e os dias com neve.

Cristina: Cena preferida que você gravou na quarta temporada?
Caitriona Balfe: 🛀

A.: Qual é o seu lugar preferido de se estar?
Caitriona BalfeEm um livro.

Fotini: O que você nunca se esquecerá do dia do seu teste?
Caitriona Balfe: Estar atrasada graças a obras na pista, o ESTRESSE… Mas aí, o Sam Heughan sendo tão fofo e me dando um lencinho para enxugar o suor da minha testa.

Anallu: Pelo o que você está mais ansiosa para os fãs verem na quarta temporada?
Caitriona Balfe: Sophie Skelton ser tão incrível!!!

Antoinette: Como você imagina que a personagem da Claire muda na quinta e na sexta temporada?
Caitriona Balfe: Te conto quando eu terminar [de ler] os livros.

K: Traço de personalidade preferido que você adquiriu ao interpretar a Claire?
Caitriona BalfeConfiança.

KGRN: A cena mais difícil de fazer com o Sam Heughan, seja lá qual for o motivo.
Caitriona Balfe: Aquela que ele tinha que por a blusa… Aparentemente é mais difícil do que parece… Aham.

Deb: Como está indo o seu filme e quando será lançado?
Caitriona Balfe: Ótimo… Acho que no meio do ano que vem.

Janet: Você vai ter férias em breve?
Caitriona BalfeEm novembro, espero.

Linda: Qual é a coisa mais difícil ao gravar outros papeis, durante as pausas? (Parabéns! Estamos muito animados por você!)
Caitriona BalfeChegar a um novo set onde todos são estranhos/o oposto de Cheers (que é como eu acho que é o nosso set de Outlander).

Nola: Se você pudesse pintar as paredes da sua sala de qualquer cor, que cor seria? (combinações são permitidas)
Caitriona Balfe: Eu sou uma garota de parede branca e adiciono cor com arte, móveis e tapetes.

Mickey: Qual outro personagem da série ou do livro você gostaria de interpretar, sem ser a Claire?
Caitriona Balfe: Ah, o Jamie, claro… O Sam Heughan não deveria ser o único que pode ir por aí sendo legal o tempo todo.

MReyes: Na sua opinião, qual é a melhor qualidade da Claire?
Caitriona BalfeCompaixão.

CanuckGirl: Rumores dizem que você não estará de volta para a quinte e a sexta temporada. Confirme ou não…..
Caitriona BalfeHahahahaha. #atéparece

M: Uma palavra para descrever o relacionamento de Claire e Jamie nessa temporada?
Caitriona BalfeForte.

Vic: Se você pudesse mudar algo no mundo, o que você mudaria?
Caitriona Balfe: A corrupção.

Fernanda: O que foi mais difícil essa temporada: os mosquitos ou o frio?
Caitriona Balfe: Os mosquitos-pólvoras… Diferentes dos mosquitos, mas tão ruins quanto.

CaitAndSamInfinityBr: Você se lembra o cheiro do Sam Heughan naquele dia [do teste deles]?
Caitriona Balfe: Não. Eu não sou estranha. 😜

Emma: Um ator/atriz que você gostaria muito de trabalhar no futuro?
Caitriona Balfe: Gena Rowlands, Rachel Weisz.

Mariana: POR FAVOR, mande um beijo para os seus fãs brasileiros? Te amamos!
Caitriona Balfe: 😘😘😘😘😘😘

Emma: De acordo com a sua longa experiencia como colega de elenco, qual papel serviria perfeitamente ao Sam Heughan?*
Caitriona Balfe: Qualquer um. [Os pés dele são perfeitos e podem leva-lo para qualquer lugar.]*
*A fã se confundiu e escreveu feet (“pé” em português), em vez de de fit (“servir” em português). Ambas as palavras têm a sonoridade parecida, por isso o erro. No entanto, ao traduzir as postagens tanto da fã quanto a de Caitriona Balfe, a piada feita pela atriz é perdida.

Carla: Qual é o seu grande sonho?
Caitriona Balfe: Felicidade.

Jams: Como foi trabalhar com a incrível Maria Doyle-Kennedy?
Caitriona Balfe: Brilhante. Ela é apenas brilhante e vocês amarão a Jocasta.

Gabi: Olá, Caitriona Balfe, como está a sua saúde?
Caitriona BalfeBoa, mas eu acabei de tossir… Por quê? Você sabe de algo que eu não sei? Devo me preocupar? Eh, olá? Olá?

Maria: Você gostaria de viajar pela Argentina?
Caitriona Balfe: Sim, com certeza. Estive em Buenos Aires uma vez, mas foi muito rápido. Está na hora de voltar!!

Caitriona Balfe: Muito bem, preciso ir… Obrigada por passarem um tempo comigo!

As redes sociais oficiais de Outlander divulgaram hoje o novo trailer completo da quarta temporada da série que estreia em 4 de novembro tanto nos Estados Unidos, pelo canal Starz, quanto no Brasil, pelo canal FOX Premium.

O trailer mostra o primeiro contato de Claire (Caitriona Balfe) e Jamie (Sam Heughan) com os norte-americanos e como a vida na América pode ser dura, enquanto eles se estabelecem na Carolina do Norte.

Confira também as fotos promocionais e os pôsteres da quarta temporada de Outlander.

Inicio » Séries de TV e Webséries | TV Shows & Webseries » 2014- | Outlander » Quarta Temporada | Season 4 » 4.01 [Fotos Promocionais]

Inicio » Séries de TV e Webséries | TV Shows & Webseries » 2014- | Outlander » Quarta Temporada | Season 4 » 4.01 [Bastidores]

Inicio » Séries de TV e Webséries | TV Shows & Webseries » 2014- | Outlander » Quarta Temporada | Season 4 » Pôsteres